Afinal o que é o Transtorno Bipolar?

1/5
Please reload

Fobia Social

28 Dec 2015

Você tem medo de falar em público, de dar aulas ou apresentar seminários? Tem medo de ir a festas e conhecer pessoas novas? Tem receio de falar com pessoas que são importantes para você?

 

Em caso de positivo, entenda o que separa a timidez da Fobia Social.

 

A Fobia Social caracteriza-se por uma ansiedade intensa, ocasionada por um medo persistente de situações sociais. Tal ansiedade traz sofrimento e perdas de habilidades básicas na vida de pessoas que vivenciam a Fobia Social.

 

Pessoas com Fobia Social evitam situações de exposição e enfrentam interferências na rotina de trabalho, acadêmica e social.  Vivenciam uma baixa qualidade de vida, levando à ausência de lazer, isolação, e em casos extremos, desemprego constante.

 

Embora exista o desejo de realizar contato, indivíduos com Fobia Social evitam ou suportam interações com forte sofrimento. Existe ainda o reconhecimento de que tais temores são absurdos, embora inevitáveis.

 

Os sintomas na Fobia Social são: preocupação intensa semanas ou meses antes de um evento, medo extremo de estar sendo observado ou julgado, medo de percepção externa de seu nervosismo e possível humilhação por tal, dificuldades de fazer e manter amigos, dentre outros. A Fobia Social possui ainda sintomas físicos como a falta de ar, dor no estomago, tremedeira, suor quente e tonturas.

 

Existe ainda decorrências comportamentais como forma de controle da ansiedade, tais como: limitar atividades diárias, excluindo o máximo de socialização; necessidade de companhia em todas as ocasiões cotidianas; permanecer despercebido e beber antes de situações sociais para acalmar-se.

 

Na maioria dos casos o quadro fóbico se manifesta entre a infância e a adolescência, muitas vezes interpretada como timidez. Porém ao longo da vivencia da fobia as interações sociais ficam cada vez mais prejudicadas, gerando consequências maiores como: depressão, pânico, dependência química e transtorno de ansiedade grave.

 

Em busca de uma melhora na qualidade de vida, e principalmente em minimizar os efeitos da Fobia Social, é necessário tratamento psicológico adequado, por vezes acompanhado de medicamentos. Por meio da psicoterapia o sujeito realiza uma auto avaliação, revendo seus medos e buscando comportamentos de adequação para situações sociais gerais.

 

 

Please reload

Clínica Essência

(61) 3224-8840

SCS Quadra 02 Bloco C nº 22 sala 217 - Edifíco Serra Dourada

© 2015 por Clínica Essência criado com Wix.com

  • Instagram ícone social
  • Facebook Social Icon